Agende um horário!

Casamento na Igreja: dicas para o vestido ideal

Casamento na Igreja: dicas para o vestido ideal

Ainda que os casamentos modernos e inovadores estejam em alta, o sonho de ter um casamento na Igreja continua muito presente nos planos das noivas.

Esta possibilidade está entre as mais tradicionais e costuma agradar até mesmo as noivas que não são muito religiosas.

Isso porque, mesmo que você não siga fielmente uma religião, o ritual e o significado de um casamento na Igreja são aspectos culturais muito fortes que podem fazer parte do seu imaginário.

Se este for o seu caso, é importante ficar muito atenta para não correr o risco de descumprir regras internas tanto do espaço específico da Igreja quanto da religião como um todo.

O casamento na Igreja é considerado um ritual sagrado, o que pode tornar o seu grande dia ainda mais emocionante e único.

Já se imaginou caminhando em um longo corredor entre os assentos da Igreja em direção ao altar onde o amor da sua vida te espera?

Se este for o seu plano, leia os próximos tópicos para entender como funciona o casamento na Igreja e como escolher o seu vestido de noiva.

Qual é o significado do casamento na Igreja?

A celebração do amor e da união entre duas pessoas é a principal função de qualquer casamento.

Porém, quando o casamento é realizado na Igreja, essa celebração ganha um caráter sagrado e representa um marco relacionado à fé na vida dos noivos.

Nesse sentido, a união e o início da vida a dois é celebrada tendo como testemunhas os amigos, a família e a própria Igreja. 

Os significados e os rituais que envolvem esse tipo de cerimônia variam bastante de acordo com a religião. Há diferentes formas de interpretar o matrimônio.

Essas variações são significativas, por isso é importante que o casamento na Igreja ocorra em uma religião que seja condizente com a fé e com os princípios dos noivos.

Mas, de modo geral, mesmo com as visões distintas sobre o significado do casamento religioso, o objetivo é sempre transmitir os votos de felicidade, amor e prosperidade aos noivos, de acordo com os costumes de cada doutrina.

Por isso, quando se fala em casamento na Igreja, nem sempre a cerimônia precisa ser realizada dentro de um templo religioso.

Casar-se na Igreja tem mais a ver com o ritual, ou seja, com realizar o casamento de acordo com os preceitos de determinada Igreja.

Algumas igrejas evangélicas, por exemplo, têm o costume de celebrar casamentos ao ar livre. No caso, o pastor se desloca até o local do evento para conduzir o ritual.

O mesmo ocorre com as cerimônias judaicas, em que obrigatoriamente a celebração precisa ser feita ao ar livre, por conta dos preceitos da religião.

Mas também há religiões que não admitem a realização de casamentos fora do templo. Então, é importante que você se informe sobre esse assunto quando for reservar a data.

Quais são as restrições de um casamento na Igreja?

Como vimos, o casamento na Igreja vai muito além da utilização do espaço do templo para a celebração do grande dia. 

Ele tem muito mais a ver com o significado da união entre duas pessoas dentro dos preceitos da religião.

E é por conta destes preceitos que é preciso respeitar as regras da Igreja para todos os detalhes do evento.

O primeiro passo para a organização do seu casamento na Igreja é saber quais são os requisitos a serem seguidos de acordo com a paróquia que você escolheu.

Na Igreja católica, por exemplo, existem algumas variações. Em alguns templos só é permitida a execução de música religiosa ou clássica, mas em outros você pode escolher músicas populares para celebrar o grande dia.

Procure a secretaria da Igreja em que você pretende se casar para saber quais são as regras a serem seguidas.

Veja abaixo alguns detalhes aos quais você precisa ficar atenta:

  • Algumas igrejas exigem que pelo menos um dos noivos seja praticante da religião para que a celebração seja realizada. E isso pode incluir a necessidade do batismo;
  • Se os noivos frequentam as celebrações, missas ou cultos em determinada Igreja, mas desejam se casar em outro templo da mesma religião, pode ser necessário um documento de transferência de paróquia;
  • Também pode ser necessária a realização de um curso de noivos;
  • Na maioria das igrejas há restrições quanto a decoração, com o estabelecimento dos tipos e quantidades de arranjos de flores e acessórios permitidos, bem como dos locais em que a decoração deve ser colocada;
  • A música também é um fator que pode ter restrições. Algumas religiões só permitem, por exemplo, a música instrumental ou a música sacra. Outras religiões permitem músicas populares, mas solicitam a análise prévia das letras para que elas não estejam em desacordo com os preceitos da Igreja;
  • Há também restrições quanto aos trajes. O vestido de noiva longo é sempre o recomendado, mas você talvez precise abrir mão de um decote mais ousado, transparência ou fenda.

Vestido de noiva para casamento na Igreja

O estilo mais escolhido pelas noivas para casamento na Igreja é o clássico, principalmente se a celebração realmente for acontecer dentro do templo.

Isso tem a ver tanto com a associação das religiões a eventos mais formais e tradicionais quanto com as possíveis restrições quanto a ideias muito inovadoras.

Sendo assim, o vestido de noiva clássico com diferentes cortes é o mais utilizado nesses casos.

Quanto ao corte, o estilo princesa é o mais tradicional, sendo o preferido das noivas mais românticas, mas muitas noivas que se casam na Igreja também escolhem o estilo sereia e o evasê.

Independentemente das regras expostas pela Igreja quanto aos trajes, é importante ter bom senso e evitar modelos muito sensuais, com transparências ou decotes profundos, para não ficar em desacordo com a doutrina da religião que você escolher.

Mas tirando esse cuidado quanto à sensualidade, você pode ser criativa e personalizar o seu vestido de noiva de acordo com as suas preferências.

Sendo o casamento realizado na Igreja, que é um espaço fechado, e no período da noite, você pode, por exemplo, caprichar no brilho, usar véu, grinalda e uma longa cauda.

É claro que estas são apenas sugestões. O mais importante é que você se sinta maravilhosa em seu vestido para o grande dia.

É possível, por exemplo, realizar um casamento no estilo boho chic ou no estilo vintage, o que vai refletir também na escolha do seu vestido, que pode ser mais leve e fluido.

Quer ver alguns modelos deslumbrantes de vestidos de noiva para casamento na Igreja? Acesse a nossa galeria e escolha os seus preferidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Internovias • Todos os direitos reservados